Ações valorizam quando lucros crescem

SABE

notícias

voltar

Ações valorizam quando lucros crescem

31/07/2020

Para Warren Buffett, “Se uma empresa vai bem, a sua ação acabará subindo”. Faz sentido!

Com base nesta premissa, investigamos em um universo de 285 companhias listadas na B3 quais as que tiveram taxas compostas de crescimento anual (CAGR) de lucros superiores a 10% ao ano, nos últimos 5 anos, de 2015 a 2019.

Selecionamos 46 companhias que atenderam a este critério e destas separamos 10 empresas cujos lucros cresceram acima de 10% ao ano e de forma crescente ano a ano, demonstrando consistência. A planilha a seguir apresenta o resultado deste trabalho com informações extraídas do Banco de Dados SABE©.


Podemos extrair as seguintes conclusões estatísticas da planilha acima, buscando uma correlação entre o desempenho econômico-financeiro e a valorização da ação desde 30 de junho de 2015:

·  Os setores com maior número de ocorrências foram Transporte e Logística e Energia Elétrica, diferente dos representados pelas principais “blue chips” (Petróleo, Mineração e Bancos);

·  Metade das empresas teve lucros em 2019 acima de R$ 800 milhões, lideradas pela CPFL Energia (R$ 2,7 bilhões) e a outra metade teve lucros abaixo de R$ 300 milhões, sendo o menor da Dimed (R$ 77 milhões);

·  Os maiores crescimentos de lucros medidos pelo CAGR vieram de duas “small caps”: Tegma (81% aa) e Tenda (55% aa), ambas com lucros na metade inferior do ranking;

·  As maiores valorizações no longo prazo (5 anos) vieram de Unidas (+ 1.693%) e Tenda (+ 697%), ambas com lucros na metade inferior do ranking;

·  8 das 10 ações das companhias selecionadas superaram a variação do Ibovespa (+ 79%), ficando apenas duas abaixo do índice: CPFL Energia (+ 71%) e Wiz (+ 17%);

·  Se considerarmos as 10 companhias selecionadas para montar uma carteira de ações, com pesos iguais de 10% cada, teríamos tido uma excelente valorização de 379% em 5 anos muito acima do Ibovespa com 79% e do índice SMLL das “small caps” com 130%;

·  Ao que tudo indica, as “small caps” devem ser as protagonistas do mercado em valorização de ações. Em 2019 enquanto o Ibovespa subiu 32% as “pequenas” valorizaram 53%.

Conclusão

Warren Buffett, está certo ao afirmar que “Se uma empresa vai bem, a sua ação acabará subindo”. Dentre 46 companhias com lucros crescentes com taxa CAGR superior a 10% ao ano, 10 empresas se destacaram por suas ações terem obtido na média uma valorização expressiva de 379% em 5 anos muito acima do Ibovespa com 79% e do índice SMLL das “small caps” com 130%.

SABE INVEST APP


TERMO DE RESPONSABILIDADE (DISCLAIMER)

A SABE não pretende nem se dispõe a ensinar/instruir como investir no mercado de ações nem, muito menos, quais e quando comprar/vender ações: para isso recomendamos consultar a sua Corretora. SABE é o suporte imprescindível para quem já atua neste mercado ou já tomou a decisão de nele participar.

O SABE Alerta é apenas a “ponta de um iceberg” quando comparado ao acervo de informações que o Big Data SABE tem à disposição de investidores e gestores de investimentos em ações: são 140.000 demonstrações financeiras padronizadas de TODAS as companhias abertas desde 1994 e os preços ajustados de suas ações dos últimos cinco anos.

Luiz Guilherme Dias
SABE | Inteligência em Ações da Bolsa


Quer monitorar GRATUITAMENTE o desempenho da sua carteira de ações?

Conheça nosso APP:

SABE Invest - Google Play  SABE Invest - App Store


Comentários