Brasil: resiliência tem limite!

SABE

Blog

voltar

Brasil: resiliência tem limite!

10/09/2018

“Política é a arte de obter votos dos pobres e recursos dos ricos, prometendo a cada grupo defende-lo contra o outro”

Oscar Ameringuer – escritor alemão

O artigo publicado no feriado de 7 de setembro na coluna de Míriam Leitão sob o título “Violência que atinge a todos” faz um lúcido retrospecto da resiliência a fortes crises e “facadas” que nosso país vem enfrentando desde os anos 60. Nas palavras da coluna: “É preciso entender que momento estamos vivendo. Olhar a cena completa. O Brasil viveu 21 anos sob ditadura militar, reconquistou a democracia depois de uma enorme luta e muito sofrimento. Comemora agora 30 anos de uma constituição democrática escrita por aqueles que foram escolhidos nas urnas. A democracia fez conquistas notáveis: estabilizou a economia, solucionou a dívida externa, desenvolveu políticas sociais de inclusão. Depois disso, iniciou um processo de luta contra a corrupção, fundamental para o futuro do país”. (Fonte: Fundação Astrojildo Pereira).

O teste de resiliência mais recente foi a “facada” sofrida pelo candidato Jair Bolsonaro na véspera do feriado da Independência do Brasil. Um golpe covarde que mais uma vez ameaça a democracia brasileira. Haja resiliência!!!

Na última semana, encerrada em 6/Set/2018, a bolsa caiu 0,48%, mantendo o status de andar “de lado”, como nas últimas semanas de  agosto. Na véspera do feriado o Ibovespa fechou em 76.408 pontos. Em 2018 a bolsa continua praticamente no “ZERO-A-ZERO” (em US$ perde pouco mais de 20%).

No mercado financeiro, a força da especulação foi maior que a do ferimento causado em Jair Bolsonaro. O “Sr. Mercado” entendeu que o atentado reduziu as chances de a esquerda vencer. Como consequência, no fatídico dia sangrento, o dólar caiu, a bolsa subiu e o risco-país diminuiu. Cadê os fundamentos econômicos, que numa economia desenvolvida, regem o comportamento do mercado?

Veja a seguir o desempenho da bolsa brasileira medido pelo Ibovespa em pontos, em diferentes intervalos de tempo.

Continuamos acreditando que, com SELIC mantida no patamar de 6,5% ao ano, os investidores terão que buscar alternativas com maior risco, caso queiram obter retornos melhores. Para proteger o patrimônio a renda fixa continua sendo uma boa alternativa, mas para ganhar dinheiro de verdade as ações são a melhor opção. Ocorrendo aumento dos juros em 2018, a busca por melhores retornos se tornará mais técnica e seletiva.

Como lembra o economista Lionel Robbins, “expectativas equivocadas estimulam investimentos inapropriados”. Dentre as alternativas de aplicações com maior risco, as Ações de companhias com gestão consistente no longo prazo, as “Campeãs”, trazem excelentes oportunidades de investimentos. Quem não quiser gerenciar risco vai ter que se contentar com 0,50% de retorno ao mês! A mudança do paradigma Renda Fixa X Renda Variável, na nossa opinião, é uma questão de tempo...

O conjunto de estatísticas mostrado ajuda o leitor a perceber os movimentos cíclicos da bolsa brasileira, em especial sobre os que têm (e os que não têm) fundamento técnico. Confira a evolução do “termômetro da bolsa” no gráfico abaixo e perceba a expressiva diferença entre as tendências e as volatilidades do índice no longo prazo (quase cinco anos) e no curtíssimo prazo (este ano de 2018):

Desempenho do Ibovespa no Longo e no Curtíssimo Prazo

Fonte: APLIGRAF I Elaboração: SABE©

Veja agora o SABE Alerta da semana passada sobre o impacto da alta volatilidade que o mercado enfrenta, afetando a gestão das carteiras de Dividendos:

Retornos de Cias do Ibovespa crescem desde 2015

Tamanho não é documento para ROE de Bancos


A SABE não pretende nem se dispõe a ensinar/instruir como investir no mercado de ações nem, muito menos, quais e quando comprar/vender ações: para isso recomendamos consultar a sua Corretora. SABE é o suporte imprescindível para quem já atua neste mercado ou já tomou a decisão de nele participar.

Promo SABE Invest

O SABE Alerta é apenas a “ponta de um iceberg” quando comparado ao acervo de informações que o Big Data SABE tem à disposição de investidores e gestores de investimentos em ações: são 120.000 demonstrações financeiras padronizadas de TODAS as companhias abertas desde 1994 e os preços de suas ações ajustadas dos últimos cinco anos.

Conheça o SABE Intelligence, a maneira revolucionária de selecionar empresas saudáveis com a inteligência artificial e tomar decisões de investimentos em ações com maior probabilidade de acerto.

Luiz Guilherme Dias
SABE | Inteligência em Ações da Bolsa

Comentários