SABE

notícias

Brasil está devagar, quase parando

20/05/2019

O diretor do FMI, Antonio Spilimbergo define o projeto apresentado pelo governo como "corajoso e muito forte", mas prefere não comentar seus efeitos sobre o Orçamento antes que ele passe pelas transformações que deverá sofrer no Congresso. "Como não sabemos qual vai ser a extensão da reforma, que é muito importante para dar estabilidade e credibilidade ao país, a atitude que está predominando é a do ’vamos esperar para ver’, disse ele".

continue lendo -->

Brasil tem governo rico com cidadãos pobres

13/05/2019

Para o secretário de privatização Salim Mattar não existe estatal eficiente. Salim avalia que não haverá falta de interesse nas privatizações, pois há 1,5 trilhão de dólares sobrando no mundo à espera de investimentos, sobretudo em países emergentes. “Quando olhamos para os ativos que o Estado tem, notamos um país rico com cidadãos pobres”, disse o secretário.

continue lendo -->

Expectativa X Realidade

06/05/2019

Ao longo da semana que passou, o Ibovespa teve variações minúsculas em relação ao pregão do dia anterior, de dar sono a qualquer apostador de curto prazo. Na 2ª feira cedeu 0,33%, na 3ª caiu mais 0,05%, na 4ª subiu 0,17%, na 5ª caiu 0,86% e finalmente na 6ª feira subiu 0,50%, fechando a 96.007 pontos.

continue lendo -->

Agora até índio investe em ação!

29/04/2019

Cinco indígenas guarani mbya surpreenderam no dia 24/abr a diretoria da Rumo que estava reunida em assembleia geral ordinária na sede da empresa, em Curitiba. Eles compraram ações da companhia para terem direito a voz e a participar da reunião da maior operadora ferroviária do país.

continue lendo -->

Mercado prevê SELIC em queda até o fim de 2019!

22/04/2019

Para Larry Fink, presidente-executivo da BlackRock, maior gestora de ativos do mundo, os mercados acionários globais caminham para uma "decolagem" conforme aumentam os sinais de crescimento saudável da economia nos Estados Unidos, e a China volta a tranquilizar grandes investidores que permaneceram fora do mercado durante sua recuperação em 2019.

continue lendo -->

Otimismo cauteloso em relação ao Brasil

15/04/2019

Em conversa com investidores em Nova York e Washington, o presidente do BC disse ter percebido que existe um "otimismo cauteloso em relação ao Brasil". Ele destacou que houve uma volta do fluxo de recursos para países emergentes em janeiro e fevereiro, mas observou que o Brasil não recebeu a parte devida. " Acho que um pouco por causa dessa incerteza em relação à aprovação das reformas " afirmou Campos Neto.

continue lendo -->

2011 – 2020: outra década perdida!!!

08/04/2019

De 2011 a 2020, o crescimento médio do Brasil deve ser de apenas 0,9% ao ano, projeta um estudo do IBRE/FGV (Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getúlio Vargas). Se a previsão for confirmada, a economia brasileira vai registrar um desempenho mais fraco até mesmo do que o observado nos anos 1980, período chamado de "década perdida", quando o PIB avançou em média apenas 1,6% ao ano no período.

continue lendo -->

A economia brasileira se arrasta...

01/04/2019

Nossa economia se arrasta em função da confusão política instaurada em Brasília. Confiança e nervosismo são sentimentos traduzidos a cada segundo nos gráficos do mercado por causa da turbulência no cenário político. Instabilidade que reflete as incertezas em relação ao futuro da reforma da Previdência, considerada fundamental para a retomada do crescimento do país. Enquanto isso 13 milhões de brasileiros esperam por uma vaga no mercado de trabalho. É doloroso...

continue lendo -->

Mais Brasil, menos Brasília

25/03/2019

A redução da confiança dos investidores locais com a Reforma da Previdência levou o Ibovespa de volta ao patamar de 93 mil pontos, longe do recorde dos 100 mil. Enquanto isso a atividade econômica patina e mais de 12 milhões de pessoas aguardam um emprego para sobreviver. Oxalá, em algum dia à frente, a classe política coloque o “Brasil acima de tudo”.

continue lendo -->

SABE Alerta

Assine e tenha acesso às melhores informações
para fundamentar suas decisões de investimentos em ações.