SABE

notícias

Por que não crescemos?

15/07/2019

O Brasil, que não conseguiu se recuperar da recessão, tem 13,3 milhões de desempregados, dos quais um em cada quatro está procurando emprego há mais de dois anos. Nas fábricas, 25% da capacidade instalada está ociosa, 210 mil empresas do comércio fecharam as portas em quatro anos e 6 mil companhias pediram recuperação judicial. Afinal, por que não crescemos?

continue lendo -->

Vai trabalhar vagabundo!!

08/07/2019

Se convertido pelo dólar Ptax, de R$ 3,794, o Ibovespa estaria hoje em 27.315 pontos. O número é 38,8% abaixo da máxima histórica em dólar, de 19/05/2008, quando estava em 44.616 pontos na moeda americana. Já no cálculo corrigido pela inflação, o Ibovespa ainda está 24% abaixo da máxima histórica, em 20/05/2018, quando estava em 73.516 pontos.

continue lendo -->

As incertezas continuam e continuarão!!

01/07/2019

O interesse dos brasileiros por ações de empresas está em alta. Nas ofertas de papéis realizadas neste ano, até o momento, os investidores locais aplicaram de R$ 8 bilhões, ante R$ 4,6 bilhões nos 12 meses de 2018. É verdade que o volume de ofertas aumentou em 2019, mas os números mostram que tem sido crescente o interesse de pessoas físicas por ações.

continue lendo -->

100 mil pontos: voo de galinha ou de águia?

25/06/2019

A pujança do mercado — que fez o Ibovespa atingir um pico nominal de 100 mil pontos — vem acompanhada dos temores associados a toda vez que o Brasil ameaça dar certo: será este mais um voo de galinha? A B3 tem atualmente 425 companhias listadas, mas apenas 104 negociam acima de R$ 10 milhões em média por dia — a liquidez necessária para que um grande investidor possa montar posição num papel.

continue lendo -->

A economia brasileira está muito machucada!

17/06/2019

A economia brasileira está muito machucada e só vai voltar a crescer com mais força se fizer muitas reformas no ambiente institucional, diz o economista Marcos Lisboa, presidente do Insper. "Há um ambiente institucional muito deteriorado no setor produtivo, e isso já vem de anos. Houve uma degradação da infraestrutura, uma piora imensa da estrutura tributária brasileira nesta década. O que não era bom se tornou pior", afirma Lisboa.

continue lendo -->

Brasil é uma baleia ferida!

10/06/2019

Diante da queda do PIB no 1º trimestre e da perspectiva de fraco crescimento de abril a junho, um avanço de 1% da economia em 2019 é considerado otimista. Alguns analistas já acreditam em algo mais próximo de 0,5%. Por enquanto, uma recessão neste ano é vista como improvável, e um novo ciclo de corte de juros é esperado para o 2º semestre, apesar da cautela do Banco Central em declarações recentes.

continue lendo -->

2011 – 2020: Década perdida?

03/06/2019

Segundo o Goldman Sachs, o Brasil deve fechar as quatro décadas entre 1981 e 2020 com um PIB per capita abaixo de 0,8% ao ano –o que significa que o país levaria 87 anos, ou quatro gerações, para dobrar a renda real per capita. Além disso, no mesmo período, duas décadas –as de 1980 e 2010– registraram queda na média do PIB per capita. Daí a análise de “década perdida”.

continue lendo -->

É para todos, é melhor para o Brasil!!!

27/05/2019

Havia cerca de 962 milhões de pessoas com 60 anos ou mais em 2017 em todo o mundo, mais que o dobro de 1980 (382 milhões). Este número, de acordo com o Relatório sobre o Envelhecimento Populacional das Nações Unidas 2017, deverá crescer para quase 1,41 bilhão até 2030 e para cerca de 2,1 bilhões até 2050.

continue lendo -->

Brasil está devagar, quase parando

20/05/2019

O diretor do FMI, Antonio Spilimbergo define o projeto apresentado pelo governo como "corajoso e muito forte", mas prefere não comentar seus efeitos sobre o Orçamento antes que ele passe pelas transformações que deverá sofrer no Congresso. "Como não sabemos qual vai ser a extensão da reforma, que é muito importante para dar estabilidade e credibilidade ao país, a atitude que está predominando é a do ’vamos esperar para ver’, disse ele".

continue lendo -->

SABE Alerta

Assine e tenha acesso às melhores informações
para fundamentar suas decisões de investimentos em ações.