SABE

notícias

Fusão de Fibria e Suzano cria gigante de R$ 22 bilhões

26/02/2018

A fusão de Fibria com Suzano deverá originar um gigante com receita de R$22,3 bilhões, lucro de R$ 2,9 bilhões e valor de mercado de R$ 51,8 bilhões, de acordo com os estimativas obtidas dos últimos balanços publicados.

continue lendo -->

Carteira “Sustentabilidade” supera o Ibovespa em 129 pontos!!!

23/02/2018

No mês de Jan/2018 a Carteira SABE Invest/Sustentabilidade superou o Ibovespa no curto prazo em 7,51 pp, no médio prazo em 13,99 pp e no longo prazo em 129,62 pp.

continue lendo -->

Carteira “Geradoras de Caixa” supera o Ibovespa em 93 pontos!!!

22/02/2018

No mês de Jan/2018 a Carteira SABE Invest/Geradoras de Caixa superou o Ibovespa no curto prazo em 22,16 pp, no médio prazo em 31,91 pp e no longo prazo em 93,53 pp.

continue lendo -->

Carteira “Dividendos” supera o Ibovespa em 31 pontos!!!

20/02/2018

No mês de Jan/2018 a Carteira SABE Invest/Dividendos superou o Ibovespa no médio prazo em 16,38 pp e no longo prazo em 31,33 pp.


continue lendo -->

Carteira “Small Caps” supera o Ibovespa em 61 pontos!!!

19/02/2018

No mês de Jan/2018 a Carteira SABE Invest/Small Caps superou o Ibovespa no curto prazo em 20,60 pp, no médio prazo em 101,53 pp e no longo prazo em 60,92 pp.

continue lendo -->

TIM: geração de caixa, com queda expressiva da dívida

09/02/2018

A TIM manteve nos últimos 5 anos equilíbrio do endividamento líquido com média de 1,93x no grau de alavancagem financeira, além de oferecer um retorno médio para o acionista de 8,76%.

continue lendo -->

Bancos mudam perfil do ROE em 2017

08/02/2018

A média do ROE dos últimos 10 anos de ABC Brasil, Bradesco e Itaú ficou superior ao retorno de 2017, enquanto que para o Santander a média ficou abaixo nos mesmos períodos.

continue lendo -->

Mineração na bolsa é Vale!

06/02/2018

Avaliar o desempenho do Setor de Mineração como um todo é praticamente avaliar a Vale, dada a distância abissal de seus números com o das outras companhias.

continue lendo -->

KLABIN: geração de caixa, com queda expressiva do lucro

05/02/2018

A Klabin teve queda vultosa (-78,56%) do lucro que caiu de R$ 2,5 bilhões em 2016 para R$ 532 milhões em 2017. O vilão foi a alta do dólar, provocando variação cambial líquida negativa.

continue lendo -->

SABE Alerta

Assine e tenha acesso às melhores informações
para fundamentar suas decisões de investimentos em ações.